História Interminável

book never ending

NeverEnding Story (História Interminável, História Sem Fim) é um filme de 1984 que me marcou da primeira vez que o vi, seria já eu um teenager sonhador e a pensar em estrelas.

À primeira vista, parece até ser um filme pseudo, cheio de fantasias sem nexo.
No entanto, a imaginação naquelas idades permite-nos sonhar com “coisas impossíveis” e tentarmos seguir uma vida que nos permita subir a “altos vôos” e sairmos do nosso “ninho”.

endingstory

No filme, um miúdo com problemas na escola encontra um livro de fantasia que o transporta para mundos fantásticos. O jovem (a juventude mental) é a única cura para a imaginação/fantasia não ser destruída.
No final, os dois mundos misturam-se, mostrando-nos que também podemos ter “magia” neste mundo (afinal, estamos todos na internet, devido a essa “magia” com muita imaginação que nos é dada pela… ciência) 😉

Como já se percebeu, o filme parece ser destinado a jovens e crianças, mas na verdade vários dos seus temas destinam-se aos adultos e à mentalidade que os adultos deveriam ter.
Tal como todos os filmes, existem críticas sociais e mensagens para se viver a vida.

Vejam o trailer do filme:

Mesmo a música emblemática do filme tem várias mensagens que promovem uma mentalidade mais aberta:

“(…) In her face, the mirror of your dreams (…) Written on the pages is the answer to a Neverending story (…)
Reach the stars, fly a fantasy. Dream a dream, and what you see will be. (…)
(…) In your hands, the birth of a new day (…)”

Basicamente, tens nas tuas mãos o poder de mudar a tua vida, tornar os teus sonhos em realidade, e alcançar as estrelas.

TheNeverEndingStory_onesheet_USA-4

2 comentários

  1. Yeee…. Giorgio Moroder!

  2. Ainda há esperança para ti!
    Eheheheheh

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.