Fantástico gelo em Marte

O polo norte de Marte tem 1000 km de diâmetro e é aqui representado por um mosaico de 57 fotos tiradas pela Mars Express. A primeira sonda planetária europeia foi lançada precisamente há dez anos. Crédito: ESA/DLR/FU Berlin–G. Neukum

O polo norte de Marte tem 1000 km de diâmetro e é aqui representado por um mosaico de 57 fotos tiradas pela Mars Express. A primeira sonda planetária europeia foi lançada precisamente há dez anos. Crédito: ESA/DLR/FU Berlin–G. Neukum

“É uma calote de gelo resplandecente com espirais escuras na sua superfície, que marca a paisagem do polo norte de Marte. A Agência Espacial Europeia (ESA) reuniu um mosaico de 57 fotos tiradas pela Mars Express para assinalar os dez anos de lançamento da sonda, que foi a primeira missão planetária europeia.

As fotos foram tiradas quando a sonda estava a 300 a 500 quilómetros de altitude e a calote de água gelada e poeiras tem cerca de 1000 km de diâmetro e dois quilómetros de profundidade.

Em cada inverno a calote cresce 1,5 a dois metros em altura e as espirais devem-se à direção dominante dos ventos fortes típicos dos polos do planeta vermelho.

A calote está coberta por uma fina camada de dióxido carbono gelado com centímetros de espessura. Durante os meses do verão marciano, a maior parte deste dióxido carbono evapora-se.

No canto inferior esquerdo vê-se um desfiladeiro com 318 km de comprimento e dois quilómetros de profundidade chamado Chasma Boreale. O fundo deste desfiladeiro está forrado por dunas de areia escuras, cobertas de geada. (…)”

Leiam o artigo completo, em português, no jornal Expresso, aqui.
O artigo original está na página da ESA, aqui.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.