Desenho na Califórnia foi esquema de marketing

131230-crop-circles-hmed-728p.photoblog600

Um desenho misterioso apareceu num terreno na Califórnia.
Imediatamente, os crentes culparam os extraterrestres, falando em “energias misteriosas”, “complexidade do desenho”, e até em interpretações de linguagem braille.
Até apareceu um vídeo no Youtube mostrando a surpresa do evento…

Há alguns dias atrás, escrevi este post sobre este assunto.

Na altura, falei com um amigo meu que estuda crop circles e até acredita que alguns são de origem não-humana – já eu nunca vi qualquer outra explicação plausível que não a humana. Ambos analisamos este crop circle e percebemos imediatamente que este era feito por humanos. Sendo assim, só existiriam duas hipóteses: ou foi feito por divertimento ou foi feito para publicidade a alguma coisa. Existem vários crop circles feitos por pura diversão, incluindo alguns que são feitos para concursos de crop circles (concursos… humanos). Nos últimos anos tem existido um número crescente de crop circles (e vídeos de OVNIs) feitos para esquemas de marketing – temos dado conta de alguns deles aqui no blog.

Tendo em conta que este crop circle apareceu num local de convívio de jovens, tendo em conta que foram vistos vários jovens em grupo com cordas, escadas e GPS dias antes de aparecer o crop circle, e tendo em conta que nenhuma empresa tinha se denunciado como autora do crop circle, então a explicação mais provável é que tinham sido jovens a ter esta ideia.

No entanto, ontem a Nvidia desvendou o mistério: a empresa revelou a quinta geração de processadores Tegra, o K1, um chip de 192 núcleos.
O presidente (CEO) da empresa, Jen-Hsun Huang, disse: “K1 é incrivelmente avançado. É quase feito por alienígenas!”

A outra revelação feita por ele é que o crop circle na Califórnia faz parte da campanha publicitária do K1.

1 ping

  1. […] Orson Wells (2013). 3 naves gigantescas, 3 objetos enormes. Crop Circles. Desenho Misterioso (resolução). Crenças. Confusões. Distinguir de Naves Extraterrestres. Fenómenos Atmosféricos Luminosos […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.