Bacia Caloris em cores reforçadas – APOD

PIA19216MessengerCaloris900

Créditos da imagem: NASA, Johns Hopkins Univ. APL, Arizona State U., CIW.

A extensa bacia Caloris em Mercúrio é uma das maiores bacias de impacto do Sistema Solar, criada durante o início da história do nosso sistema planetário pelo impacto de um grande corpo do tamanho de um asteroide. A bacia com várias características e fracturas abrange cerca de 1.500 quilómetros neste mosaico em cores reforçadas com base em dados de imagem da sonda MESSENGER, atualmente orbitando Mercúrio.

A grande bacia de impacto mais jovem de Mercúrio, Caloris foi posteriormente preenchida por lava que aparece em laranja no mosaico. Crateras feitas após a inundação escavaram o material por baixo da superfície de lava. Visto como contrastantes tons de azul, eles provavelmente oferecem um vislumbre do material original do solo da bacia.

A análise destas crateras sugere que a espessura da cobertura de lava vulcânica seja de 2,5 a 3,5 quilómetros. Os borrões laranjas em torno do perímetro da bacia são provavelmente chaminés vulcânicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.