Possíveis luas de Urano encontradas nos dados da sonda Voyager 2

Crédito: NASA

Crédito: NASA

Algumas das menores luas do Sistema Solar estão escondidas nos anéis existentes em alguns planetas gigantes. Mas quando estamos falando de um sistema de anéis sujo e escuro como o de Urano, encontrar essas pequenas luas é uma tarefa muito mais difícil do que em Saturno.

Os anéis do gigante gelado são muito empoeirados, significando que eles só aparecem e podem ser observados num determinado comprimento de onda. Somando a isso o facto de desde 1986 não termos visitado o sétimo planeta do Sistema Solar, faz com que a tarefa de encontrar luas seja ainda mais complicada.

Crédito: Ruslik0, via wikipedia

Crédito: Ruslik0, via wikipedia

Mas alguns pesquisadores deram uma segunda olhada nos dados obtidos pela sonda Voyager 2 e notaram algo um pouco estranho. Padrões de distorção nas imagens dos anéis apontam para possíveis dois novos satélites nunca notados anteriormente. As pequenas luas estão localizadas entre os anéis Alfa e Beta, e são muito pequenas (cerca de 20 km de diâmetro), se elas realmente existirem.

As luas são muito pequenas para serem observadas diretamente pelo Telescópio Espacial Hubble e pela instrumentação existente hoje na Terra.
Assim, essas luas só serão confirmadas, se algum dia alguma agência espacial mandar uma sonda para explorar Urano.

Fontes: Astronomy Now, Gizmodo, Artigo Científico

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.