Saulo Machado

Astrônomo amador, especialista em observação do céu, constelações, história das estrelas e etimologia astronômica. Membro do GaeA (Grupo de Apoio em Eventos Astronômicos)

Artigos mais comentados

  1. Cruzeiro do Sul – II — 30 comentários
  2. Plantão da descoberta – 06 a 12 de outubro de 2015 — 11 comentários
  3. 1.000 exoplanetas! — 10 comentários
  4. Plantão da descoberta: 10 a 16 de maio de 2016 — 9 comentários
  5. Etimologia: PLANETA — 9 comentários

Author's posts

Enif, por que te chamam assim?

Nesta época do ano começa a surgir, nas primeiras horas da noite, principalmente para quem está nas latitudes próximas ao equador, a constelação do Pégaso.  Este grupamento está entre as 10 maiores constelações das 88 oficializadas pela União Astronômica Internacional. Não só por causa de seu tamanho mas também pelo seu conhecido quadrilátero, o Pégaso …

Continue a ler

Hora de avistar Ceres

No próximo dia 16 o agora planeta anão Ceres estará em oposição ao Sol. Eis uma grande oportunidade de avistar um corpo celeste que tem muita história para contar. De sua descoberta em 1801 até hoje, Ceres já foi chamado de planeta, reclassificado a asteróide depois que vários corpos parecidos foram descobertos na mesma região, …

Continue a ler

Tá chegando a hora de avistar Urano

No dia 25 deste mês Urano estará em oposição ao Sol. Isto significa que é o melhor momento do ano para avistar o planeta. Com magnitude 5.7, seria até possível a observação do planeta sem qualquer instrumento, mas com a falta de um referencial, esta tarefa será bastante difícil. Um pequeno binóculo já torna o …

Continue a ler

De volta à equipe

Aqui estou de volta para integrar a galáctica equipe do AstroPT. Já começava a avistar de minha janela torcedores do Benfica, revoltados e indignados com esta minha falta de compromisso. Cheguei a ligar para alguns fanáticos do Futebol Clube do Porto, mas eles prometeram NÃO me ajudar (nem sei por quê). Quisera eu achar somente …

Continue a ler

A fama ficou com o francês…

CRUZEIRO DO SUL – VII Vamos começar a falar dos nomes envolvidos com a constelação do Cruzeiro do Sul. O primeiro da imensa lista é Augustine Royer, arquiteto do Rei da França Luis XIV.  Royer também tinha outra função, a de cartógrafo. Num de seus mapas, em 1679, ele tentou homenagear seu rei e patrão …

Continue a ler

Júpiter tem mais duas luas!

Confirmadas as descobertas de 2 novas luas em Júpiter. O gigante gasoso passa a ter 65 satélites! Alguns números: S/2010 J1 Distância de Júpiter – semi-eixo maior (a) 23.314.335 Km Inclinação (i) : 163.2 graus Excentricidade (e): 0.320 Longitude do Nodo Ascendente: 000.0 grau Período 723.2 dias magnitude óptica: 23.3 magnitude absoluta (H): 16.7 Diâmetro …

Continue a ler

O Dono do Cruzeiro

CRUZEIRO DO SUL – VI Pequena mas polêmica. Ao longo da História houve uma confusão sobre quem criou a constelação do Cruzeiro do Sul. Quem foi o primeiro a desmembrar suas estrelas do Centauro? Quem sugeriu o nome “Cruzeiro”? Quem levou a melhor nessa batalha? Tem francês, holandês, alemão, espanhol e português nessa confusão… sobrou …

Continue a ler

Não aceite imitações

CRUZEIRO DO SUL – V Meu primeiro contato com as constelações foi com 7 anos de idade. Morava num apartamento térreo de um edifício e havia um pequeno espaço a céu aberto. Um dia minha avó estava nesse espaço. Ela me chamou e mostrou o céu estrelado, identificando as Três Marias (Cinturão de Órion) e …

Continue a ler

Tamanho não é documento!

CRUZEIRO DO SUL – IV Depois que suas estrelas foram separadas do Centauro, o Cruzeiro do Sul deixou de ser um mero asterismo popular para começar a figurar entre as constelações oficiais. Como o desenho da cruz era pequeno e simples, apenas uma pequena região do céu foi delimitada para a então nova constelação. Ao …

Continue a ler

Cruzeiro do Sul – III

Ei-las todas, enchendo o céu, de canto a canto. Nunca assim se espalhou, resplandecendo tanto, Tanta constelação pela planície azul! Nunca Vênus assim fulgiu! Nunca tão perto, Nunca com tanto amor sobre o sertão deserto Pairou tremulamente o Cruzeiro do Sul! (Olavo Bilac – O Caçador de Esmeraldas – 1888)   DAS PATAS DE BICHO …

Continue a ler

Load more