Formas de Desviar Asteróides

Com tantas notícias de asteróides, é normal que se ande a pensar em métodos de desviar um asteróide potencialmente perigoso.

10 métodos são:
explodir o asteróide: é o pior método de todos, mas actualmente provavelmente seria o mais concretizável.
explodir uma bomba perto do asteróide: isso faria o asteróide mudar de direcção.
impacto de um objecto com o asteróide: faria o asteróide mudar de trajectória.
colocar um enorme objecto no asteróide: mudava o seu centro de massa, e a sua trajectória.
vela solar: colocar uma vela solar perto do asteróide que colectaria luz solar, e transmitiria um raio para o asteróide, mudando-lhe a trajectória.
espelhos: várias pequenas sondas com espelhos poderiam concentrar a luz solar num só ponto do asteróide, mudando-lhe a trajectória.
lasers: ideia similar às de cima, mas com lasers.
plástico: embrulhar parte do asteróide em plástico que faça reflexão da luz solar, e devido a essa pressão o asteróide irá mudar a trajectória.
sondas: colocar sondas ou foguetes no asteróide, e fazer com que eles empurrem o asteróide noutra direcção.
atracção gravitacional: colocar uma sonda ao lado do asteróide, e devido à atracção gravitacional o asteróide seria puxado para a esquerda, direita, seria travado ou acelerava, dependendo do sítio onde colocássemos a sonda. Para mim, seria o melhor método… se víssemos o asteróide com muito tempo.

Uma das características de todos estes métodos é que o asteróide tem que ser detectado a tempo, e não estar quase “em cima” da Terra.

Mas sendo detectado a tempo, parece ser fácil desviar o asteróide.

Leiam mais sobre estes métodos, aqui, aqui, aqui, aqui, e aqui.

43 comentários

7 pings

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. […] aqui no AstroPT publicamos um artigo sobre as possíveis formas de desviar asteroides, sendo que parece simples desviar asteroides, […]

  2. […] ou eliminá-lo por completo sem precisarmos de chamar a equipa do Bruce Willis. O AstroPT até já mencionou as diferentes formas de o […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.