Mestre aos 97 anos

Crédito: Southern Cross University

Crédito: Southern Cross University

“As pessoas nunca devem usar a desculpa de que ‘eu sou velho demais para estudar’. Nunca é tarde demais para desenvolver a mente, fazer novos amigos e criar estímulos que nos permitam alcançar algo de valor”.

A princípio, tal frase pode soar como algo puramente motivacional. Contudo basta uma olhada em recentes feitos de seu autor, o australiano Allan Stewart, para notar que não se trata de um simples discurso. Em maio, Allan, de 97 anos, recebeu o diploma de Mestrado em Ciências Clínicas, pela Southern Cross University. Com isso, ele quebrou o recorde de mais velho graduado do mundo.

Detalhe é que a marca anterior, reconhecida pelo Guinness World Records, também pertencia ao australiano. Em 2006, aos 91 anos, recebeu o título de bacharel em Direito.

Nascido a sete de março de 1915, Allan Stewart obteve seu primeiro diploma universitário em 1936: bacharelado em Odontologia, pela Universidade de Sydney. Anos depois, tornou-se doutorado em Medicina Dentária.

Após atuar durante boa parte de sua vida profissional como dentista, Stewart aposentou-se e decidiu retomar a carreira acadêmica, com o curso de Direito.

Com seis filhos, 12 netos e seis bisnetos, Allan promete deixar os estudos de lado. Pretende apenas visitar familiares e dedicar-se à jardinagem. Será?

 

8 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Belo exemplo e belo texto que nos trazes aqui Rafael, Allan Stewart prova muito bem o antigo adágio português, pois o nosso povo diz, e muito bem, que “velhos são os trapos.” :))

    • Graciete Virgínia Rietsch Monteiro Fernandes on 07/07/2012 at 20:36
    • Responder

    Aprender, aprender sempre é uma regra que eu tenho procurado seguir. Mas penso que, a partir de certo momento, começamos a ver diminuir o nosso tempo e então é necessário uma força de que poucos indivíduos dispõem. Mas como eu os admiro!!!!!

      • Rafael Ligeiro on 09/07/2012 at 23:29
      • Responder

      Admirável, de fato!

  2. Vai dedicar-se à jardinagem? Aos 100 voltará a ser notícia quando se graduar Engenheiro Agrónomo 😀

      • Rafael Ligeiro on 09/07/2012 at 23:27
      • Responder

      É verdade… Não duvidaria disso.

  3. O Alan é “aquela máquina”!

  4. Grande texto, Rafael. 😉

    Abraços.

      • Rafael Ligeiro on 09/07/2012 at 23:25
      • Responder

      Obrigadão, Cavalcanti!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.