M83: a Galáxia dos Mil Rubis por Robert Gendler

http://apod.nasa.gov/apod/image/1510/gendlerM83-New-HST-ESO-LL.jpg

M83: a Galáxia dos Mil Rubis processada por Robert Gendler usando dados do observatório Subaru, do telescópio do ESO em La Silla e do legado do Hubble

Grande, brilhante e belíssima, a galáxia espiral M83 dista da Terra cerca de 12 milhões de anos luz, na direção da longa constelação de Hidra.

Proeminentes braços espirais traçados por raias escuras de poeira cósmica e aglomerados estelares azuis levaram a escolha de seu nome popular: a galáxia do “Cata-vento do Sul”.

Regiões de formação estelar avermelhadas que pontuam os braços galácticos estão realçadas nessa cintilante composição colorida que sugerem outro apelido sugestivo: a Galáxias dos Mil Rubis.

M83 tem cerca de 40.000 anos luz de diâmetro e é um membro do mesmo aglomerado galáctico que inclui a famosa radio galáxia ativa Centaurus A.

Na realidade, o núcleo da M83 por si só é uma ativa fonte de raios-X energéticos, revelando uma alta concentração de estrelas de nêutrons e buracos negros remanescentes de um surto de formação estelar intenso.

Esta precisa composição colorida também mostra pontiagudas estrelas próximas da nossa galáxia Via Láctea e distantes galáxias no plano de fundo.

Essa imagem foi processada por Robert Gendler usando dados do telescópio Subaru do Havaí, da câmera de campo largo WFI (Wide Field Imager) do telescópio MPG/ESO de 2,2 metros em La Silla, bem como os arquivos do legado do Hubble.

Fontes

M83: The Thousand-Ruby Galaxy – Créditos da Imagem: Subaru Telescope (NAOJ), Hubble Space TelescopeEuropean Southern Observatory ; Processamento ©: Robert Gendler

._._.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.